Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

Brasil

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Factores asociados a la no adherencia al tratamiento anti tuberculosis / Factors associated with non-adherence to anti-tuberculosis treatment / Fatores associados à não-adesão ao tratamento anti-tuberculose

Plata Casas, Laura Inés.
Rev. cienc. cuidad; 12(2): 26-38, 2015.
Artigo em Espanhol | LILACS, COLNAL | ID: biblio-906717

Objetivo:

descrever os fatores de risco associados à não-adesão ao tratamento em participar do programa de tuberculose na cidade de Villavicencio paciente coorte de 2012.

Materiais e Métodos:

um estudo descritivo transversal, com abordagem quantitativa. dados sócio-demográficos e caracterização dos fatores de risco para as pessoas que interromperam o tratamento para a doença foram obtidos através da aplicação de coorte 2012 instrumento concebido pelo investigador e revisados por especialistas. Os dados foram tabulados e analisados usando o Microsoft Excel 2007 e Epi-info 7.0 ferramenta.

Resultados:

75% dos pacientes são masculinos; a média de idade é de 30 anos, 63% pertencem ao sistema de saúde subsidiado. As principais causas de abandono foram efeitos adversos a medicamentos (58%), profissionais de saúde inadequada (43%), dificuldade de acesso ao serviço (32%). Os fatores sociais foram encontrados superlotação 67% e% de desemprego 62.

Conclusões:

os fatores não modificáveis, como idade e sexo, bem como fatores modificáveis, tais como estilos de vida inadequados e efeitos adversos; cujo controle seria melhorar o cumprimento; contribuir para a interrupção da terapia. variáveis psicológicas e sociais devem ser avaliados para se tornar preditores de abandono prováveis ou irregularidades no tratamento da TB.
Biblioteca responsável: CO648.1
Selo DaSilva