Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

Brasil

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Trends of leprosy in children under fifteen years in Rondonópolis-MT (2007 to 2016) / Tendência dos casos de hanseníase em menores de quinze anos em Rondonópolis-MT (2007 a 2016)

Santos, Débora Aparecida da Silva; Santos, Salete Barbosa dos; Ribeiro, Naira Rubia da Silva; Goulart, Letícia Silveira; Olinda, Ricardo Alves De.
Mundo saúde (Impr.); 42(4): 1032-1049, nov. 2018. ilus, tab
Artigo em Inglês, Português | LILACS | ID: biblio-1000180
A hanseníase é uma doença de notificação compulsória devendo ser controlada por ser considerada como problema de saúde pública. A análise de tendência é relevante para contribuir com ações concretas de vigilância epidemiológica, a fim de interromper a cadeia de transmissão. Neste sentido, é possível que haja uma tendência crescente destes casos em regiões hiperendêmicas. O objetivo deste estudo foi analisar as tendências das variáveis da hanseníase em menores de 15 anos em Rondonópolis (MT) de 2007 a 2016. Estudo epidemiológico do tipo ecológico, com abordagem quantitativa e descritiva. Os dados são de fonte secundária do Sistema de Informação de Notificação de Agravos de Notificação. As variáveis estudadas foram sociodemográficas e clínicas. Para análise foram utilizados modelos de regressão polinomial para as séries temporais. As tendências foram consideradas estatisticamente significativas quando os modelos apresentaram valor de p<0,05. Foi aplicado o teste de Shapiro-Wilk (S-W) para verificar normalidade dos resíduos do modelo ajustado aos dados. Para explicar a porcentagem (%) da variabilidade, foi apresentado o coeficiente de determinação (R2) e utilizou-se o software R. Os resultados apontam o total de 139 casos, sendo que quanto a variável sexo houve tendência decrescente para o sexo masculino (R²0,40; S-W0,95) e para a classe operacional uma tendência crescente para os casos multibacilares (R²0,35; S-W0,95). Apesar do número elevado de casos, a maioria das tendências foram estatisticamente estáveis e decrescente, indicando que as ações da vigilância da hanseníase no município estão sendo eficazes quanto ao controle da doença nesta faixa etária
Biblioteca responsável: BR599.1
Selo DaSilva