Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Percepções de gestores municipais sobre ações de promoção da saúde: em foco os agentes comunitários de saúde / Municipal managers’ perceptions on health promotion actions: community health workers in focus

Fracolli, Lislaine Aparecida; Gomes, Maria Fernanda Pereira; Gryschek, Anna Luiza de Fátima Pinho Lins.
Saúde Soc; 23(3): 919-927, Jul-Sep/2014.
Artigo em Português | LILACS | Set 2014 | ID: lil-725843
Resumo: Considerando a importância de investigar a competência de promoção da saúde na prática dos agentes comunitários de saúde e o fato de que a visão dos gestores de saúde influencia no desenvolvimento dessa competência, este artigo descreve as percepções dos gestores de saúde sobre as ações de promoção da saúde praticadas pelos agentes comunitários de saúde. Trata-se de pesquisa qualitativa cujo cenário de estudo foi o Colegiado de Gestão Regional do Alto Capivari do Departamento Regional de Saúde de Presidente Prudente (SP). Foram sujeitos da pesquisa os secretários municipais de saúde. Os dados foram coletados por meio de um questionário com perguntas abertas em julho e agosto de 2011. As respostas foram submetidas à técnica de análise de conteúdo proposta por Bardin. Os resultados apontaram que os gestores de saúde confundem a competência promoção da saúde e prevenção com monitoramento de grupos específicos e morbidades. Também se observou que os gestores não conseguem diferenciar a Política Nacional de Promoção da Saúde e a Política Nacional de Atenção Básica. Cidades onde os gestores municipais compreendiam e diferenciavam melhor essas políticas apresentavam agentes comunitários de saúde mais engajados na realização de ações de promoção da saúde, inclusive com práticas de intersetorialidade bem estruturadas. Conclui-se que os gestores municipais de saúde desempenham um papel fundamental para a efetivação da competência de promoção da saúde pelo agente comunitário de saúde e pela equipe de Saúde da Família...
Considering the importance of investigating the competence of health promotion in the practice of community health workers and the fact that healthmanagers’ view influences on the development of this competence, this article describes health managers’ perceptions on health promotion actionstaken by community health workers. This is a qualitative research whose study setting was the Regional Management Board of Alto Capivari of the Regional Health Department of Presidente Prudente, São Paulo, Brazil. Municipal health secretaries were the research subjects. Data were collected by means of a questionnaire with open questions in July and August 2011. The answers underwent the content analysis technique proposed by Bardin. The results pointed out that health managers confuse the competence health promotion and prevention with monitoring of specific groups and morbidities. It was also observed that managers are not able to differentiate the National Policy of Health Promotion from the National Policy of Primary Care. Towns where municipal managers better understood and differentiated these policies had community healthworkers more committed to take health promotion actions, including well-structured inter-sector practices. We conclude that municipal health managers play a crucial role for effecting the competence of health promotion by the community health worker and the Family Health team...
Biblioteca responsável: BR67.1