Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Avaliação da integralidade, coordenação do cuidado, orientação familiar e comunitária sob a ótica das internações por condições sensíveis em crianças de 0 até 5 anos / Assessment of integrality, coordination of care, family and community orientation from the point of view of hospitalizations due to sensitive conditions in children 0 to 5 years old

Tomé, Marcela Ariadne Braga Gomes.
Fortaleza; s.n; jan. 2017. 96 p.
Tese em Português | LILACS | Jan 2017 | ID: biblio-881826
Resumo: Dentre as doenças mais prevalentes na infância e que geram maior número de internações hospitalares em crianças até 5 anos no Brasil, estão a diarreia, asma e pneumonia, Essas doenças endossam o crescente número de internações hospitalares infantis por Condições Sensíveis à Atenção Primária (CSAP), que são agravos à saúde cuja morbidade e mortalidade podem ser reduzidas através de uma atenção primária oportuna e eficaz. Assim, destaca-se o instrumento o Primary Care Assessment Tool (PCATool), versão criança, o qual avalia por meio de atributos a qualidade dos serviços ofertados a esta população. O objetivo do estudo é avaliar os atributos da atenção primária, Integralidade, Coordenação do cuidado, Orientação Familiar e Orientação Comunitária oferecidos às crianças menores de cinco anos internadas por CSAP pelo diagnóstico de doenças gastrointestinais, asma e pneumonia em dois hospitais de Fortaleza-CE. Trata-se de estudo transversal, com abordagem quantitativa. Os resultados apresentaram fragilidades nos serviços e insatisfação dos usuários. Os atributos demonstraram escores fracos e insatisfatórios. Coordenação- Integração de cuidados (4,08), Coordenação- sistema de informações (5,96), Integralidade- serviços disponíveis (4,95), Integralidade- serviços prestados (4,30), Orientação familiar (4,52) e Orientação comunitária (3,36). O atributo Coordenação, nas suas duas apresentações (Integração de cuidados e Sistema de informação) encontrou associação significativa com a procedência e a quantidade de pessoas que compartilhavam residência. O atributo Integralidade (em suas duas apresentações) apresentou baixos valores de escores, onde foi possível identificar que a população não tem acesso a serviços e orientações básicas, demostrando a necessidade de mudanças em vários âmbitos, profissional, estrutural, político, entre outros. Percebe-se a ineficácia dos atributos de orientação familiar e comunitária que obtiveram baixo escore na atenção a saúde da criança na avaliação do usuário dos serviços de atenção primária, não atingindo sua total extensão, comprometendo, desse modo a resolutividade da atenção a saúde da criança. A partir destes achados, o profissional enfermeiro poderá repensar sua prática e atuação dentro da atenção primária. Desenvolvendo um trabalho que melhor atenda a comunidade e suas demandas mais urgentes. Priorizando por manter uma relação de proximidade com o usuário. A maior limitação do estudo foi a realização apenas com o usuário do serviço, é necessário oportunizar o profissional de saúde manifestar-se a espeito do serviço na APS.(AU)
Biblioteca responsável: BR6.1
Localização: BR6.1; 610.73, T618a