Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Orientações para puérperas sobre cuidados neonatais no alojamento conjunto em maternidades de risco habitual / Guidance for puerperas about neonatal care in rooming-in at habitual risk maternities

Rogerio, Maria Caroline; Silva, Luana da; Canario, Márcia Aparecida dos Santos Silva; Ferrari, Rosângela Aparecida Pimenta.
Enferm. foco (Brasília); 11(1): 69-74, jun. 2020. tab
Artigo em Português | LILACS | Jun 2020 | ID: biblio-1102688
Resumo: Objetivo: analisar as orientações prestadas pelos profissionais de maternidades de baixo risco quanto a assistência ao recém-nascido no alojamento conjunto. Método: estudo quantitativo, no qual foi utilizado um instrumento que constava as principais variáveis pertinentes ao estudo. Foi aplicado em três maternidades de diferentes municípios da 17a Regional de Saúde. Resultados: foi possível analisar que adolescentes, multíparas, sem companheiro e baixa escolaridade receberam menos informações, já as mulheres com 30 anos ou mais e brancas apresentaram maior índice de orientações quanto à amamentação e aos primeiros cuidados. Conclusão: as orientações fornecidas nas maternidades ainda não abrangem a todas as mulheres. (AU)
Objective: to analyze the guidance given by professionals of low risk maternity hospitals regarding the care of the newborn in the rooming-in. Method: quantitative study where an instrument was used that contained the main variables pertinent to the study, it was applied in three maternity hospitals in different municipalities os the 17th Regional Health. Results: it was possible to analyze that adolescents, multiparous, without partners and low schooling received less information, while women 30 years of age and older showed a higher index of breastfeeding and first care. Conclusion: that guidance provided in maternity wards does not yet cover all women. (AU)
Objetivos: fue analizar la orientación brindada por profesionales de la maternidad de bajo riesgo con respecto a la atención del recién nacido en el alojamiento conjunto. Metodo: estudio cuantitativo em el que se utilizó un instrumento que contenía las principales variables pertinentes al estudio, se aplicó em tres hospitales de maternidad en diferentes municipios de la 17.a Región de Salud. Resultados: fue posible analizar de que las adolescentes, multiparas, sin pareja y con bajo nivel de escolaridad recibieron menos información, mientras que las mujeres de 30 años de edad y mayores mostraron un índice más alto de lactancia materna y atención primaria. Conclusion: la orientación brindada en las maternidad aún no cubren a todas las mujeres. (AU)
Biblioteca responsável: BR1898.2