Your browser doesn't support javascript.

Biblioteca Virtual em Saúde

Brasil

Home > Pesquisa > ()
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Casos autoctones de esquistossomose mansonica em criancas de Recife, PE / Casos autoctonos de esquistosomiasis mansonica en ninos de Recife, PE, Brasil / Autochthonous cases of schistosomiasis in children in Recife, Northeastern Brazil

Barbosa, Constanca Simoes; Barbosa, Veronica Santos; Melo, Fabio Lopes de; Melo, Mariana Sena Barreto de; Bezerra, Lydia; Campos, Julyana Viegas; Rodrigues, Bruno Ximenes; Nascimento, Wheverton Correia do; Gomes, Elainne Souza; Leal-Neto, Onicio; Domingues, Ana Lucia.
Rev. saúde pública; 47(4): 684-690, ago. 2013. tab, graf
Artigo em Português | LILACS | ID: lil-695403

OBJETIVO:

Investigar criadouros com moluscos hospedeiros e casos humanos autóctones para esquistossomose.

MÉTODOS:

Entre julho de 2010 e setembro de 2012 foram realizados: (1) levantamento malacológico para busca ativa de criadouros, coleta e identificação de caramujos Biomphalaria positivos para Schistosoma mansoni em Recife, PE; (2) inquérito de prevalência com 2.718 escolares, de sete a 14 anos, para diagnóstico de casos de esquistossomose; (3) exame clínico e ultrassonografia nos casos positivos para S. mansoni. Os casos foram investigados quanto à sua autoctonia e avaliados clinicamente. Os casos e criadouros foram georreferenciados e espacializados.

RESULTADOS:

Foram identificados 30 criadouros de B. straminea , quatro deles potenciais focos de transmissão, uma vez que os testes moleculares identificaram DNA de S. mansoni nos caramujos coletados. Foram diagnosticadas 14 crianças com esquistossomose; entre elas, cinco foram consideradas casos autóctones da doença.

CONCLUSÕES:

Ações emergenciais pela vigilância em saúde são necessárias para evitar que a esquistossomose se endemize em Recife, como acontece em localidades litorâneas do estado de Pernambuco. .
Biblioteca responsável: BR1.1
Selo DaSilva