Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Managers' perspective on continuous health education in a region of São Paulo State / Perspectiva de los gestores de una región del estado de São Paulo acerca de la educación permanente em salud / Perspectiva dos gestores de uma região do estado de São Paulo sobre educação permanente em saúde

Mishima, Silvana Martins; Aiub, Allan Correa; Rigato, Anna Francine Gonçalo; Fortuna, Cinira Magali; Matumoto, Silvia; Ogata, Marcia Niituma; Silva, Monica Vilchez da; Nogueira, Ana Carolina.
Rev. Esc. Enferm. USP; 49(4): 665-673, July-Aug. 2015.
Artigo em Inglês | LILACS | Ago 2015 | ID: lil-757485
Resumo: OBJECTIVEAnalysing the concepts of Continuous Health Education - CHE (EPS - in Portuguese), operated by municipal managers and translated into official documents.METHODQualitative research with the use of official documents and semi-structured interviews with the Municipal Health Secretaries or Coordinators of Primary Health Care in the Northeast Region of São Paulo State, and thematic analysis of empirical material.RESULTSResults indicate difficulties in the municipalities problematizing their management practices, services and health care; EPS tools presented are insufficient and unsatisfactory for amending the array of problems raised and are still far from the routine of Primary Care services.CONCLUSIONDespite efforts to implement EPS actions for the strengthening of primary care, the process appears to be incipient.
OBJETIVOAnalizar los conceptos de Educación Permanente en Salud - EPS, llevados a cabo por los gestores municipales y traducidos en los documentos oficiales.MÉTODOInvestigación cualitativa, con la utilización de documentos oficiales y entrevistas semiestructuradas a los Secretarios Municipales de Salud o Coordinadores de la Atención Básica de una Región de Salud del Nordeste del Estado de São Paulo y análisis temático del material empírico.RESULTADOSLos resultados señalan dificultades en los municipios en problematizar sus prácticas de gestión, de los servicios y la atención sanitaria; las herramientas de la EPS se presentan de forma insuficiente e insatisfactoria para la alteración del cuadro de problemas averiguado y todavía lejano del cotidiano de los servicios de la Atención Básica.CONCLUSIÓNPese a los esfuerzos por la implementación de acciones de EPS con vistas al fortalecimiento de la Atención Básica, el proceso se muestra incipiente.
OBJETIVOAnalisar os conceitos de Educação Permanente em Saúde - EPS, operados pelos gestores municipais e traduzidos nos documentos oficiais.MÉTODOPesquisa qualitativa, com a utilização de documentos oficiais e entrevistas semiestruturadas com os Secretários Municipais de Saúde ou Coordenadores da Atenção Básica de uma Região de Saúde do Nordeste do Estado de São Paulo e análise temática do material empírico.RESULTADOSOs resultados apontam dificuldades nos municípios em problematizar suas práticas de gestão, dos serviços e da atenção à saúde; as ferramentas da EPS são apresentadas de forma insuficiente e insatisfatória para a alteração do quadro de problemas levantado e ainda distantes do cotidiano dos serviços da Atenção Básica.CONCLUSÃOApesar dos esforços para implementação de ações de EPS para o fortalecimento da Atenção Básica, o processo mostra-se incipiente.
Biblioteca responsável: BR1.1