Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Significado de cargas no trabalho sob a ótica de operacionais de limpeza / Meaning of workload on the view of cleaning professionals

Martins, Júlia Trevisan; Ribeiro, Renata Perfeito; Bobroff, Maria Cristina Cescatto; Marziale, Maria Helena Palucci; Robazzi, Maria Lúcia do Carmo Cruz; Mendes, Aida Cruz.
Acta paul. enferm; 26(1): 63-70, 2013.
Artigo em Português | LILACS | 2013 | ID: lil-670269
Resumo: OBJETIVO: Analisar o significado das cargas de trabalho para operacionais de limpeza de uma unidade de Emergência/Pronto Socorro e identificar as estratégias que eles utilizam como proteção as essas cargas. MÉTODOS: Estudo descritivo, exploratório qualitativo, com a participação de 12 operacionais de limpeza. A coleta de dados foi realizada por meio de entrevistas semiestruturadas e as falas submetidas à análise de conteúdo em suas etapas: leitura, determinação das unidades de registro e significações, codificação e classificação; tratamento e interpretação dos resultados obtidos. RESULTADOS: Emergiram três categorias: carga vivenciada no trabalho relacionada com a materialidade interna, carga vivenciada no trabalho relacionada com a materialidade externa e estratégias de enfrentamento utilizadas para amenizar e/ou prevenir as cargas no trabalho. CONCLUSÃO: Os profissionais conhecem parcialmente as cargas as quais estão expostos e enfrentam-nas individualmente.
OBJECTIVE: To reveal the meaning of work operational loads on the operational cleaning Emergency Unit / Emergency and identify the strategies that they use as the protection these loads. METHOD: Descriptive, exploratory and qualitative, with 12 operational cleaning. Data collection was conducted through semi-structured interviews and statements submitted to content analysis in its phases: reading, register units and meanings, coding and classification; results treatment and interpreting. RESULTS: Three categories emerged: Work load related to internal materiality, work load related to external materiality, and coping strategies used to mitigate or prevent workloads. CONCLUSION: Professionals knew workloads partially and used self coping strategies.
Biblioteca responsável: BR1.2