Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Frequency and genotyping of human Papillomavirus in women from riparian communities in the Municipality of Abaetetuba, Pará State, Brazil/Frequência e genotipagem do Papilomavírus humano em mulheres de comunidades ribeirinhas do Município de Abaetetuba, Pará, Brasil

Duarte, Daniel Valim; Brito, Elza Baía de; Canto, Aline Silva de Sousa; Ishikawa, Edna Aoba Yassui; Pinheiro, João Guimarães; Costa, Jaqueline Helen Godinho; Sousa, Maísa Silva.
Rev Pan-Amaz Saude; 1(3): 75 - 82, 2010. tab
Artigo em Português | IEC | 2010 | ID: iec-8089
Resumo: O Papilomavírus humano (HPV) é reconhecido como principal agente causador do câncer do colo do útero. A identificação de HPV de alto risco pode auxiliar na prevenção de lesões do colo uterino. Objetivamos identificar, entre mulheres de comunidades ribeirinhas do Município de Abaetetuba, Estado do Pará, a frequência de infecção pelo HPV, comparando com nível de lesão uterina apresentada, a flora vaginal e o tipo de HPV encontrado. No período de setembro a dezembro de 2008, foram coletadas amostras da cérvice uterina de mulheres ribeirinhas de demanda espontânea para a realização do exame citopatológico. Nesta amostra, foram realizadas a pesquisa e tipagem molecular de HPV através da reação em cadeia da polimerase (PCR) seguida de digestão enzimática. Das 79 amostras analisadas, nove (11,39 por cento) foram positivas para HPV, onde foram identificados os tipos 6,54a, 58, 72, 81, 102, além de infecções múltiplas. Todas as amostras positivas para HPV apresentaram esfregaço inflamatório e/ou com alterações celulares no exame citológico. O HPV foi identificado em 20 por cento (5/25) dos esfregaços inflamatórios de mulheres com 30 anos de idade ou menos (p = 0,0435). A infecção por HPV foi identificada em 33,4 por cento (5/15) das mulheres examinadas na comunidade de Tucumanduba, destacando-se da frequência de 6,2 por cento (4/64), encontrada nas outras comunidades juntas (p = 0,0103)... (AU)
Human papillomavirus (HPV) is recognized as the main causative agent of cervical cancer, and identifying high-risk HPVcan help prevent cervical lesions. The objective of this study was to identify the frequency of HPV infection in women from riparian communities in the Municipality of Abaetetuba, Pará State, Brazil, and to compare those results with their level of uterine injury presented by the patient, their vaginal flora and the type of HPV found. From September to December 2008, cervical samples were collected from riparian women who spontaneously presented themselves for a cytopathological test. In these samples, polymerase chain reaction followed by enzymatic digestion were conducted for molecularstudies and typing of HPV. Of the 79 samples analyzed, nine (11.39 per cent) were positive for HPV, and HPV types 6, 54a, 58, 72, 81 and 102 were identified, along with multiple other infections. All of the samples that tested positive for HPV were associated with an inflammatory smear and/or with cellular alterations on cytological examination. HPV was identified in 20 per cent (5/25) of inflammatory smears in women younger than 30 years of age (p = 0.0435). HPV infection was identified in 33.4 per cent (5/15) of women examined in the community of Tucumanduba in contrast with the 6.2 per cent (4/64) combined frequency found in the other communities (p = 0.0103)...(AU)
Biblioteca responsável: BR275.1
Localização: BR275.1