Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Conhecimento de cirurgiões dentistas sobre antimicrobianos e resistência bacteriana / Knowledge of dental surgeries on antimicrobials and bacterial resistance

Alegre, Ully Cristy Porto; Cericato, Graziela Oro; Mario, Débora Alves Nunes; Fabris, Vinícius.
Journal of Oral Investigations; 8(1): 18-33,, jan.-jun. 2019. tab
Artigo em Português | BBO - odontologia (Brasil) | Jun 2019 | ID: biblio-994721
Resumo: Antimicrobianos são frequentemente prescritos por cirurgiões dentistas por razões terapêuticas e profiláticas para tratar infecções orofaciais. O uso inadequado e indiscriminado desses fármacos pode acarretar a seleção de microrganismos resistentes, gerando um problema de saúde pública. Pelo fato destes fármacos serem utilizados em todas as áreas da Odontologia, é indispensável que os cirurgiões dentistas tenham adequado conhecimentos a respeito dos antimicrobianos. Objetivo: verificar o nível de conhecimentos de cirurgiões dentistas sobre prescrição de antimicrobianos. Metodologia: foi aplicado questionário estruturado a 242 cirurgiões dentistas que atuam na cidade de Passo Fundo, Rio Grande do Sul, com questões demográficas e específicas sobre prescrição de antibacterianos. Os dados obtidos foram tabulados em uma planilha eletrônica do programa Excel e exportados para o programa estatístico StataSE 12 para a análise estatística. Resultados: dentre os entrevistados, aproximadamente 29% dos cirurgiões dentistas, utilizaram como critério de escolha de um antimicrobiano ser bactericida, e como método de se evitar a resistência bacteriana a maioria optou por receitar antimicrobiano apenas quando necessário. O medicamento de primeira escolha de, aproximadamente, 54% dos entrevistados foi a Amoxicilina e, para pacientes alérgicos a penicilina, a maioria utilizaria a Clindamicina. Conclusão: a partir da análise das respostas, pode-se concluir que cirurgiões dentistas possuem pouco conhecimento sobre antimicrobianos, bem como ações a serem realizadas para evitar a resistência bacteriana, sendo necessário uma melhora nos critérios do uso e prescrição de antimicrobianos e o estabelecimento de estratégias de educação continuada sobre este assunto com o objetivo de diminuir a incidência de problemas relacionados a prescrição desses medicamentos(AU)
Antimicrobials are often prescribed by dental surgeons for therapeutic and prophylactic reasons to treat orofacial infections. The inappropriate and indiscriminate use of these drugs can lead to the selection of resistant microorganisms, generating a public health problem. Because these drugs are used in all areas of dentistry, it is essential that dental surgeons have adequate knowledge of antimicrobials. Objective: this study aimed to verify the level of knowledge of dental surgeons on prescription of antimicrobials. Methodology: a structured questionnaire was applied to 242 dental surgeons who work in the city of Passo Fundo, Rio Grande do Sul, with demographic and specific questions about antibacterial prescription. The data obtained were tabulated in an Excel spreadsheet and exported to the statistical program StataSE 12 for statistical analysis. Results: among those interviewed, approximately 29% of dental surgeons used as a criterion for choosing an antimicrobial to be bactericidal, and as a method of avoiding bacterial resistance the majority chose to prescribe antimicrobial only when necessary. The primary drug of approximately 54% of respondents was Amoxicillin and, for patients allergic to penicillin, most would use Clindamycin. Conclusions: from the analysis of the responses, it can be concluded that dental surgeons have little knowledge about antimicrobials and what should be done to avoid bacterial resistance, being necessary an improvement in the criteria of the use and prescription of antimicrobials and a continuing education on this subject for professional to decrease the incidence of problems related to the prescription of these drugs(AU)
Biblioteca responsável: BR186.1
Localização: BR186.1