Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Influencia do uso de chupetas e mamadeiras na prática do aleitamento materno / Influence of the use of artificial nipples and baby bottles in breastfeeding

Batista, Christyann Lima Campos; Ribeiro, Valdinar Sousa; Nascimento, Maria do Desterro Soares Brandão.
J. Health Biol. Sci. (Online); 5(2): 184-191, abr-jun /2017. tab, ilus
Artigo em Português | LILACS | 2017 | ID: biblio-875705
Resumo: Objetivo: Verificar, na mais recente literatura, o efeito dos bicos artificiais, como mamadeiras e chupetas, sobre a prática do aleitamento materno. Métodos: Foi realizada uma revisão da literatura nas bases de dados LILACS, SciELO e PubMed, considerando estudos originais publicados entre os anos de 2010 e 2015, em português e inglês, utilizando-se os descritores "chupetas", "amamentação", "mamadeiras", "desmame" e "alimentação artificial", combinados ou isolados, com seus respectivos correspondentes na língua inglesa. Resultados: foram incluídos 25 artigos conforme os critérios de inclusão e exclusão. Estudos apontaram uma relação entre o desmame e o uso de chupetas, e o desmame e uso de chupetas e outros bicos artificiais. Além disso, os estudos evidenciaram que a redução no uso de chupeta gera um aumento na duração do aleitamento. Outras variáveis comuns relacionadas ao desmame relatadas na literatura foram: ausência materna, trabalhar fora ou falta de proteção legal, baixa escolaridade materna, idade materna e problemas relacionados às mamas e nascimento em unidade não "Hospital Amigo da Criança". Conclusões: O uso de bicos artificiais está sendo relacionado ao desmame precoce ou à diminuição da duração do aleitamento materno. Necessita-se ainda que outros estudos sejam realizados a fim de compreender melhor como os bicos artificiais agem sobre as habilidades orais da criança. (AU)
Objective: To verify, in the most recent literature, the effect of artificial nipples, such as baby bottles and pacifiers, on the practice of breastfeeding. Methods: A review of the literature in the LILACS, SciELO and PubMed databases was carried out, considering original studies published between the years 2010 and 2015, in Portuguese and English, using the descriptors "pacifiers", "breastfeeding", "Weaning", and "artificial feeding", combined or isolated. Results: 25 articles were included according to the inclusion and exclusion criteria. Studies have pointed out a relationship between weaning and the use of pacifiers, and the weaning and use of pacifiers and other artificial nipples. In addition, studies have shown that reduction in pacifier use leads to an increase in the duration of breastfeeding. Other common variables related to weaning reported in the literature were maternal absence, working out or lack of legal protection, low maternal schooling, maternal age and problems related to breasts and birth in a non-baby friendly hospital. Conclusions: The use of artificial nipples is being related to early weaning or shortening the duration of breastfeeding. Further studies are needed to better understand how artificial nipples act on a child's oral skills. (AU)
Biblioteca responsável: BR1780.2