Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

A convivência com o portador do HIV/AIDS: opinião dos participantes do carnaval / Convivendo con el portador de VIH/SIDA: opinión de los participants del carnaval / Living with the HIV/AIDS carrier: opinion of carnival participants

Fonte, Vinícius Rodrigues Fernandes da; Pinheiro, Carina D'Onofrio Prince; Francisco, Márcio Tadeu Ribeiro; Spindola, Thelma; Martins, Elizabeth Rose Costa; Costa, Cristiane Maria Amorim.
Rev. pesqui. cuid. fundam. (Online); 5(4): 510-518, out.-dez. 2013. tab
Artigo em Inglês, Português | BDENF - enfermagem (Brasil) | 2013 | ID: bde-24946
Resumo: Objetivo: identificar a opinião das pessoas em relação a convivência com os portadores do HIV. Método: Tratou-se de uma pesquisa descritiva com abordagem quantitativa, realizada no Rio de Janeiro, em 2011. A amostra foi composta aleatoriamente por 630 integrantes dos desfiles das escolas de samba, pela aplicação de uma entrevista com roteiro estruturado. Os dados foram tabulados, organizados e analisados com auxílio da estatística descritiva. Sendo aprovado pelo CEP da Universidade Veiga de Almeida número 270/11. Resultados: A maioria dos entrevistados não teriam relações sexuais protegidas com um portador de HIV/AIDS, consideram que essa pessoa deve sempre trabalhar e não se preocupariam de seu filho estudar com um portador do vírus. Conclusão: Os resultados sinalizam que a convivência com uma pessoa acometida pelo HIV no trabalho ou escola, tem aceitação maior do que a manutenção do relacionamento sexual, sendo oportuno ressaltar a importância da desmitificação da temática.(AU)
Objective: to identify people’s opinion about the coexistence with HIV bearer. Method: this was a descriptive research with a quantitative approach, held in Rio de Janeiro in 2011. The sample was randomly composed by 630 participants of the samba school parades, by applying a structured interview script. The data were tabulated, organized and analyzed using descriptive statistics; being approved by the CEP of the University Veiga de Almeida number 270/11. Results: the majority of respondents would not have protected sex with a person with HIV/AIDS; they consider that this person should always work and would not worry that their child studies with a virus carrier. Conclusion: The results indicate that living with a person with HIV at work or school, have higher acceptance than the maintenance of sexual relationship, and is necessary to highlight the importance of demystifying the subject.(AU)
Objetivo: identificar la opinión referente a la convivencia con personas portadoras de VIH. Método: se trata de una investigación descriptiva con enfoque cuantitativo, que tuvo lugar en Río de Janeiro en 2011. La muestra fue compuesta aleatoriamente por 630 miembros de los desfiles de las escuelas de samba, mediante la aplicación de una entrevista con guión estructurado. Los datos fueron tabulados, organizados y analizados mediante estadística descriptiva. Siendo aprobado por el CEP de la Universidad Veiga de Almeida número 270/11. Resultados: la mayoría de los entrevistados no tenían relaciones sexuales protegidas con una persona con VIH/SIDA, consideran que esta persona siempre debe trabajar y no se preocuparían si su hijo estudiara con un portador del virus. Conclusión: los resultados indican que la convivencia con una persona con VIH en el trabajo o la escuela, tienen mayor aceptación que el mantenimiento de la relación sexual, destacando la importancia de desmitificar la temática.(AU)
Biblioteca responsável: BR1208.1
Localização: BR1208.1