Your browser doesn't support javascript.

BVS APS

Atenção Primária à Saúde

Home > Pesquisa > ()
XML
Imprimir Exportar

Formato de exportação:

Exportar

Email
Adicionar mais destinatários
| |

Principais causas de acidentes domésticos em crianças: um estudo descritivo-exploratório / Major causes of domestic accidents in children: a descriptive-exploratory study

Lima, Regiane Paiva de; Ximenes, Lorena Barbosa; Joventino, Emanuella Silva; Vieira, Luiza Jane Eyre de Souza; Oriá, Mônica Oliveira Batista.
Artigo em Português | BDENF - enfermagem (Brasil) | 2008 | ID: bde-22127
Resumo: Domestic accidents can be considered a public health problem due to their high morbidity and mortality rates. The aims of this descriptive-exploratory study with a quantitative approach were to identify domestic accidents involving children in their first infancy, and to know their major causes. The sampling enrolled 65 families of children registered in two day-care centers in Fortaleza-CE, during 2004-2005. Parent’s interviews were conducted at the domiciles, using forms to assess demographic and domestic accident referrals. No significant association was found between the child sex and the type of accident. However, significant associations were found between the type of accident and age and between the kind of accident suffered and the part of the body injured. Thus, knowing the major accidents that reach the children at the domiciliary context and their causing effects are critical for nurses to develop efficiently health educative strategies towards accident prevention and child health promotion.(AU)
Os acidentes domésticos podem ser considerados um problema de saúde pública devido às elevadas taxas de morbi-mortalidade que provocam. Os objetivos deste estudo descritivo-exploratório de abordagem quantitativa foram identificar os principais acidentes ocorridos no contexto domiciliar com crianças na primeira infância, além de conhecer seus principais agentes causadores. Trata-se de um estudo descritivo com abordagem quantitativa. A amostra constituiu-se de 65 famílias de crianças matriculadas em duas creches, em Fortaleza-CE, em 2004-2005. Realizaram-se entrevistas com os pais, nos domicílios, utilizando-se formulários com assuntos referentes às condições sociodemográficas e distribuição de acidentes domésticos. Não se verificou associação estatística significante entre o sexo e o tipo de acidente ocorrido no domicílio. No entanto, houve associação estatística significante entre o tipo de acidente e faixa etária de ocorrência desses; entre tipo de acidente sofrido pela criança e a parte do corpo atingida. Assim, conhecer os principais acidentes que vitimam as crianças no contexto domiciliar e seus agentes causadores são fatores indispensáveis para que a enfermagem possa atuar mais eficazmente, oportunizando estratégias de educação em saúde que levem à prevenção de acidentes e à promoção da saúde infantil.(AU)
Biblioteca responsável: BR1342.1
Localização: BR1342.1